18/05/2017

Ex-aluno riobranquino cursa seu segundo mestrado no Canadá

O ex-aluno riobranquino, Marcus Sanzi, formado em Psicologia, estudou no Colégio Rio Branco, na Unidade Granja Vianna, e formou-se em 1996.

Marcus visitou a escola recentemente e contou que foi muito emocionante. “Revi dois professores da minha época e um inspetor que ainda lembrava-se de mim. Tive a oportunidade de passear pelos prédios e fiquei muito emocionado ao lembrar das histórias e momentos que passei lá. Além disso, fomos á biblioteca e pudemos ver o acervo de fotos da nossa época”, contou.

Para ele, os professores do colégio foram marcantes em muitos sentidos, mas principalmente no incentivo que davam quanto ao pensamento crítico, o que, para ele, foi muito importante para suas decisões pessoais e profissionais. “Eu ainda me lembro de muitas aulas e dos professores. Por exemplo, o professor de história, o “JR”, que sempre encenava, histericamente, as passagens históricas de uma forma muito cômica, mas que sempre ficavam registradas em nossas memórias” comentou.

O ex-aluno contou que ainda tem muitas lembranças maravilhosas da época do colégio, como as aulas de teatro com o Ardo Viera, suas várias participações nas peças de teatro, as festas juninas, as aulas de laboratório no período da tarde e seus colegas de classe.


Marcus Sanzi

Marcus trabalhou no Hospital das Clínicas como estagiário de Psicologia no Ambulatório de Ansiedade do Instituto de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da USP (AMBAM IpqUSP), e fez seu primeiro mestrado em Medicina Psicossomática, pela Faculdade de Ciências da Saúde de São Paulo. Em seguida, abriu seu próprio consultório de Psicologia e trabalhou em grandes empresas, como a Telefônica, Vivo e Unibanco.

Em 2007, decidiu ir para o Canadá. O ex-aluno contou que sua ideia era se especializar em medicina holística em psicologia, e resolveu estudar Medicina Chinesa (acupuntura e ervas medicinais). Assim, se formou em Medicina Chinesa, mas não se identificou com a filosofia da profissão. “Minha visão sobre medicina alternativa mudou drasticamente”, explicou.

Atualmente, Marcus trabalha com pesquisa científica e está cursando seu segundo mestrado em Psicologia pela Simon Fraser University (SFU), em British Columbia, Canadá. Sua pesquisa envolve duas grandes universidades, a SFU e a University of British Colombia (UBC). “Minha pesquisa é qualitativa e fala sobre o significado, para os homens, da masculinidade e do machismo nas relações com os outros”, explicou.